subscribe img
Endereço:

80 Ladeira dos Barris,
Salvador, Bahia

Telefones:

Dando continuidade à programação de visitas às delegacias territoriais, o Sindicato dos Policiais Civis do Estado da Bahia (SINDPOC) chegou à Delegacia Territorial (DT) de Taperoá no dia 30 de setembro e verificou as condições de trabalho e atendimento na unidade.

Conduzida pelo diretor jurídico da entidade, Roberto Cerqueira, a visita foi parte da iniciativa SINPOC na Estrada e revelou que a DT de Taperoá possui problemas relacionados à insuficiência no quadro de servidores e à acessibilidade, uma vez que está instalada no primeiro andar de um prédio cujo único acesso se dá por meio de escadas.

A delegacia, que é integrante da 5ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (COORPIN) de Valença, sofre com a insuficiência quantitativa em sua equipe, contando apenas com um investigador que está com a aposentadoria encaminhada, uma escrivã e um delegado substituto que também trabalha em Tancredo Neves.

Cerqueira comentou ainda sobre a falta de acessibilidade na unidade que está instalada no primeiro andar de um prédio cedido pela prefeitura de Taperoá. O diretor jurídico do sindicato chamou atenção para o empecilho vivido por pessoas idosas, portadoras de deficiência física e dificuldades de locomoção, uma vez que o único meio de acesso à DT da cidade se dá por uma escadaria.

 O SINDPOC pede que o Governo do Estado aplique concursos regionalizados de modo que seja possível atender às demandas das delegacias territoriais de toda a Bahia que sofrem com a falta de IPCs, EPCs e delegados titulares para conduzir as atividades nas unidades. Exigimos dignidade para trabalhar e atender a população.

COMPARTILHAMENTO: