DECEMBER 9, 2022
GERAL

SINDPOC comemora realocação de servidores da Central de Flagrantes para 1ª DT

post-img

A direção do Sindicato dos Policiais Civis do Estado da Bahia (SINDPOC) comemorou, hoje (26), a realocação dos servidores da Central de Flagrantes para 1ª Delegacia Territorial (DT) de Salvador, após casos recorrentes de exposição dos trabalhadores à insalubridade.

Reivindicação constante da gestão sindical, a remoção dos policiais civis da unidade em que estavam expostos a um ambiente laboral insalubre foi considerada uma vitória pelo diretor Érico Araújo. “Nós lutamos para que toda vez que tivesse reforma nas delegacias, realocassem os policiais para o seu labor. Então nós conseguimos essa vitória”, declarou o diretor parlamentar.

Ao lado do diretor Pedro Luiz, o diretor Carlos Meira explicou a situação prejudicial em que os servidores da Central de Flagrantes estavam trabalhando. “Estavam lá [...], dentro daquela unidade policial que é a Central de Flagrantes, com a tubulação toda quebrada, com aquela fedentina de urina e fezes. E aquilo estava causando um grande problema de saúde para os nossos colegas que lá laboravam, [como] náusea, dor de cabeça”, indicou o diretor de aposentados, apontando o grande volume de denúncias vindas da unidade.

Satisfeito com a manutenção dos direitos dos policiais civis, Carlos Meira comentou ainda a importância de garantir boas condições de trabalho que privilegiam o bem-estar dos servidores. “Hoje com a nossa intensificação de ir lá naquela unidade e pedir que fizessem uma grande reforma, onde fomos atendidos, [...] É por isso que estamos aqui, porque ela saiu de lá da Central de Flagrantes, onde ela funcionava, e está sendo removida para 1ª Delegacia, um ambiente mais saudável para que os companheiros possam laborar seu dia a dia”, concluiu.


 

Cart